quinta-feira, 10 de março de 2022

Crimes Reais: Grupo do Facebook "Festa no IML" encorajava necrofilia

 


Em março de 2021, foi descoberto uma página e um grupo no Facebook, chamados “Festa no IML”, onde os membros publicavam fotos de mulheres que morreram, foram assassinadas ou se suicidaram, para elogia-las e compartilhar o desejo de necrofilia (relação sexual com cadáver).

As falecidas, que tinham suas fotos compartilhadas, eram qualquer uma que estivesse na TV ou na internet. O grupo foi deletado, porém, não se sabe a identidade do criador da página. Na época tinham pessoas tentando contato com jornais, como o Cidade Alerta, para procurarem os responsáveis. Até hoje sem sucesso. O vilipêndio de cadáver é crime e pode resultar em até 3 anos de prisão e multa.

Muito doentio 😖

Fonte: https://twitter.com/CrimesReais/status/1309268605696081927

Nenhum comentário:

Postar um comentário