segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

The Shorty Awards - o "Oscar" do twitter e outras redes sociais

 Os Shorty Awards (shortyawards.com), também conhecido como Shorties, é um evento anual de premiação que homenageia os melhores criadores de conteúdo em forma de curtas no Twitter e nas redes sociais. Desde sua criação em 2008, a premiação vem sendo expandida além do Twitter, para integrar conteúdos criados em outras redes sociais, incluindo: YouTube, Tumblr, Foursquare e Facebook.

Os usuários do Twitter indicam seis finalistas em cada categoria e um júri formado por especialistas e celebridades julgam e elegem os vencedores. A cerimônia de premiação ocorre na primavera e é transmitida ao vivo via streaming no site oficial do prêmio. Cada prêmio é entregue pela obra do criador de conteúdo durante o ano ou por uma criação individual via tweet ou postagem.
Em 2012, a revista Forbes fez um artigo sobre os Shorties:
"Os Shortys reconhece que as mídias sociais podem muito mais do que obter mais seguidores. Nós estamos criando milhões de fragmentos de uma nova escrita que irá definir nossa geração. Esses escritos são criações de nossa história."
A primeira cerimônia dos Shorty Awards aconteceu em 11 de fevereiro de 2009, no Galapagos Art Space no Brooklyn, Nova Iorque. Aproximadamente trezentas pessoas compareceram ao evento.

Brasileiros ganhadores do Shorty Awards
Em 2011, a ex-senadora Marina Silva venceu na categoria ‘Política’ com o perfil criado na pré-campanha eleitoral à presidência da República em 2010. O jovem de 17 anos, Rene Silva, ganhou na categoria ‘Inovação’ com o perfil no qual relatava os acontecimentos no Complexo do Alemão no final do ano passado, durante a invasão da polícia ao conjunto de favelas. Além deles, o perfil Lei Seca RJ do publicitário Edu Trevisan foi premiado na categoria ‘Notícias’.
Em 2013, o perfil do Twitter "Dilma Bolada" ganhou pelo segundo ano consecutivo o prêmio Shorty Awards, considerado o "Oscar" da internet. A conta de Jeferson Monteiro venceu na categoria "melhor uso de mídias sociais no Brasil". Entre os concorrentes da categoria Brasil estavam as contas Jovem Nerd, Febre Mania, Denis, Lua Blanco e Mel Fronckowiak. Além dele, o vlogger PC Siqueira, o comediante Rafinha Bastos e o "astro do YouTube" Cauê Moura, do canal "Desce a Letra", venceram nas categorias "Video Blogger", "comediante" e "Youtube Star", respectivamente, na premiação.
Em 2015, o Portal R7 e a Rede Record foram premiadas na sétima edição do Shorty Awards, com o projeto de divulgação da série Breaking Bad. A iniciativa recebeu uma menção honrosa nível Ouro na categoria "Best Use of a Meme" (Melhor Uso de Meme), figurando entre os melhores do segmento executados em todo o mundo em 2014. Com isso, o R7 torna-se o primeiro portal brasileiro a ser laureado com o Shorty. Brasileiros só venceram o Shorty Awards até hoje na categoria individual, que tem seus indicados escolhidos pelo público.  

Fontes: https://pt.wikipedia.org/wiki/Shorty_Awards
http://g1.globo.com/tecnologia/noticia/2013/04/brasileiros-se-destacam-no-shorty-awards-o-oscar-do-twitter.html
http://coworkers.com.br/tres-brasileiros-sao-premiados-no-shorty-awards/
http://noticias.r7.com/tecnologia-e-ciencia/r7-e-o-primeiro-portal-brasileiro-premiado-no-shorty-awards-23032015

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...