segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Uber App: o aplicativo polêmico de motorista particular

 O Uber (www.uber.com), cujo slogan é "Seu motorista particular", é um aplicativo que oferece um serviço semelhante ao táxi tradicional, com algumas diferenças em relação aos valores cobrados pelo serviço. A grande diferença entre os serviços é que para ser um motorista do Uber, bastaria cadastrar-se seguindo uma lista de exigências de segurança. Motoristas Uber não cobram diretamente por carona, mas recebem uma remuneração diretamente da empresa baseada na duração e distância da corrida. Por esse motivo, o modelo é também chamado de carona remunerada. Ele foi um dos pioneiros no conceito de E-hailing.

O que é E-hailing?
E-hailing é o ato de se requisitar um táxi através de um dispositivo eletrônico, geralmente um celular ou smartphone. Ele substitui métodos tradicionais para se chamar táxis, como ligações telefônicas ou simplesmente esperar ou ir à busca de um táxi na rua. 

Início
Fundada em 2009 por Garrett Camp e Travis Kalanick, a proposta inicial do Uber era ser um serviço semelhante a um táxi de luxo, oferecendo carros como Mercedes S550 e Escalade na cidade de São Francisco. O aplicativo foi lançado em 2010 para Android e iPhone.

Lançamento no Brasil
Campanha publicitária do Uber quando de seu lançamento em SP, com Alessandra Ambrósio
A primeira cidade a receber o Uber no Brasil foi o Rio de Janeiro, em maio de 2014, seguida de São Paulo, no final de junho do mesmo ano, onde foi inaugurado pela modelo brasileira Alessandra Ambrosio. Em seguida, foi a vez de Belo Horizonte receber o Uber, em Setembro de 2014. Atualmente o Uber está presente nas cidades de Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte e Brasília.

Como funciona 
A ideia do Uber é bem simples: ajudar quem precisa se locomover pela cidade a encontrar algum carro que a leve ao destino. Através do aplicativo, o usuário pode pedir um motorista particular. Custando em média 5% a mais do que os táxis convencionais, toda a transação é feita pelo app, desde o cálculo de preço pelo trajeto percorrido, até o pagamento por cartão de crédito – que fica cadastrado no sistema da empresa.  Os motoristas ficam com 80% do valor e o Uber com o restante (20%).

Polêmica
Por oferecer um serviço análogo aos táxis, mas operar a uma fração do custo de uma empresa com frota de táxi tradicional, o Uber despertou preocupação e críticas da indústria de táxis ao redor do mundo. É comum que o trabalho de taxista seja regulamentado por algum órgão do governo, com licenças que podem custar caro. No caso do Brasil, pelo número de licenças ser limitado e a demanda ser alta, existe um mercado informal de aluguel de licenças que movimenta atualmente muito dinheiro. Apesar de estar no Brasil há pouco tempo, o aplicativo já gera preocupação entre taxistas brasileiros. Os sindicatos de taxistas alegam que a empresa estaria violando a legislação nacional que regulamenta a profissão e já fizeram protestos contra a empresa. Outro importante ponto que prejudica o Uber no Brasil é o mercado informal de licenças de taxi. No dia 28 de abril de 2015 a Justiça de SP determinou a suspensão liminar do aplicativo Uber no Brasil, contudo em 04 de maio de 2015 a liminar foi revogada. Voltando a ser novamente suspensa pela Câmara de São Paulo no dia 30/06/2015.

Empresa de ouro
Motorista Uber
Em 2010 e 2011, o Uber recebeu quase 50 milhões de dólares em investimentos feitos por investidores-anjo e venture capitalists. Cerca de cinco anos após sua fundação, a empresa foi avaliada em US$ 18,2 bilhões de dólares, em junho de 2014, contando com investidores como a Google e Goldman Sachs. E segundo o Wall Street Journal, a Microsoft foi um dos grandes financiadores do Uber na última rodada de investimentos, feitas esta semana, que levantou cerca de US$ 1 bilhão para startup.

Fontes: https://pt.wikipedia.org/wiki/Uber_(empresa)
http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2015/04/entenda-polemica-entre-o-aplicativo-uber-e-os-taxistas-no-brasil.html
http://corporate.canaltech.com.br/noticia/microsoft/microsoft-pode-ter-investido-us-100-milhoes-no-uber-46409/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...