quarta-feira, 24 de junho de 2015

Canal do Youtube - Inimigos Públicos

 Inimigos Públicos é o nome de um canal do Youtube formado pela dupla Fernando Holiday e Kim Kataguiri. O canal existe desde 22 de janeiro de 2015 e possui, atualmente, mais de 15 mil inscritos. Nos vídeos, em formato vlogger e que se levam a sério, criticam o PT, cotas raciais, e muitos outros assuntos ligados a política e economia.
Fernando Holiday
Tem 18 anos, é morador da periferia de São Paulo (Carapicuíba), filho de uma auxiliar de enfermagem e de um garçom. Foi chamado de "negro que odeia negros", pelo site Diário do Centro do Mundo. Holiday é ligado ao Movimento Brasil Livre, uma das entidades “liberais” organizadoras dos protestos de 15 de março. Página do Facebook. Abaixo, o seu vídeo mais famoso:

Por que somos um país racista? | Fernando Holiday
Na gravação, critica a ação de militantes negros durante uma aula da USP e a implantação de cotas raciais nas universidades e em concursos públicos.
“Nós negros e pobres podemos sim vencer na vida através do mérito, não precisamos ficar como vermes, como verdadeiras parasitas atrás do estado, querendo corroer cada vez mais e mais, com esse discurso de merda, com esse discurso lixo. Vocês fazem dos negros verdadeiros porcos no chiqueiro, que ficam fuçando a lama através do resto que o estado tem a nos oferecer. Pobres da periferia, negros da periferia, não se submetam a esse discurso”
Kim Kataguiri
Kim Patroca Kataguiri nasceu em Salto (105 km da capital paulista) e, quando tinha um ano de idade, seus pais mudaram para Indaiatuba (90 km da capital). O pai é metalúrgico e a mãe, dona de casa. Tem 19 anos, é neto de japoneses, defende uma economia de linhagem liberal. Atualmente Kataguiri mora em Santo André, para onde mudou-se quando entrou em um curso de economia na Universidade Federal do ABC. Mas deixou a faculdade antes de terminar o primeiro ano.  Kataguiri faz parte do Movimento Brasil Livre (MBL), grupo favorável a uma política econômica liberal. É o segundo integrante mais novo do MBL (o primeiro é Fernando Holiday, de 18 anos). Página do Facebook. Abaixo, o vídeo mais visto do Kim:

Jean Wyllys e o Analfabetismo Político | Kim Kataguiri

Movimento Brasil Livre
O Movimento Brasil Livre (www.movimentobrasillivre.org) é um grupo favorável a uma política econômica liberal, com um Estado microscópico - o que se traduz com medidas como a privatização de estatais e dos sistemas de saúde e de educação ("com a distribuição de carteiras para aqueles que não puderem pagar"). Defende ainda a "liberdade de imprensa" e o "fim do perdão de dívidas de ditaduras" (como Guiné Equatiorial). O MBL tem atualmente oito integrantes em São Paulo ("cerca de 500 pelo Brasil"). A sede fica em um escritório na avenida Brigadeiro Luís Antônio, região central da cidade. O local é dividido com uma produtora de vídeo e de publicidade. Foi criado em novembro de 2014, no mesmo dia de uma manifestação contra o governo Dilma Rousseff ocorrida na avenida Paulista. Segundo Kataguiri, o MBL não é ligado a nenhum partido político mas a revista Carta Capital afirmou, em matéria publicada em seu site no dia 13 de março, que o bilionário David Koch financia o MBL. Coch seria “Um dos poderosos irmãos Koch, donos da segunda maior empresa privada dos Estados Unidos, com um ingresso anual de 115 bilhões de dólares”. Em manifesto publicado na internet, o MBL cita seus cinco objetivos: “imprensa livre e independente, liberdade econômica, separação de poderes, eleições livres e idôneas e fim de subsídios diretos e indiretos a ditaduras”.

Canal do Youtube Inimigos Públicos
Página do Facebook do Inimigos Públicos

Fontes: http://www.blogdacidadania.com.br/2015/03/quem-inventou-fernando-holiday/
http://www.diariodocentrodomundo.com.br/quem-e-fernando-holiday-o-negro-que-odeia-negros-adotado-por-um-movimento-golpista/
http://www.revistaforum.com.br/blog/2015/03/desconstruindo-o-discurso-de-fernando-holiday/
http://jornalggn.com.br/fora-pauta/o-curioso-ganha-pao-do-lider-do-mbl
http://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2015-03-12/roqueiro-e-ativista-na-web-lider-anti-dilma-defende-privatizar-saude-e-educacao.html

Um comentário:

  1. Precisa ser muito burro para acreditar na Carta Capital, uma revista totalmente petista e que faz o jogo sujo do partido. Dizer que o MBL é financiado por um bilionário americano é de uma torpeza que dá nojo! Tudo especulação vazia, sem nenhum indício forte. Quem conhece e acompanha o MBL sabe das dificuldades dos caras, inclusive, já adiaram manifestações por não ter como bancar uma estrutura mínima.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...